Petrópolis, 04 de Julho de 2020.
Matérias >> Vida Comunitária >> OSCIPS, ONGS e Diversos
   
  Centro Social Tecnológico

Data: 27/03/2009

Centro Social Tecnológico

 

            Quem busca uma nova oportunidade para entrar no mercado de trabalho poderá participar dos cursos profissionalizantes que serão oferecidos pelo Centro Social Tecnológico. CST será inaugurado no fim do mês, com cursos nas áreas da construção civil e informática. O centro funcionará no Shopping Vilarejo e as inscrições poderão ser feitas a partir do dia 28.

 

            Entre os cursos que serão oferecidos estão os de pintor, pedreiro, eletricista, bombeiro hidráulico, jardinagem, montagem e manutenção de computadores, operador de computador, montagem e configuração de redes. O local também será usado para palestras sobre educação ambiental, desenvolvimento sustentável e reciclagem. Além disso, computadores com acesso à internet serão disponibilizados gratuitamente.

 

            “O projeto fornecerá as condições idéias de avaliação de todo o processo de reciclagem (desmontar, separar, triturar), reuso (manutenção e recondicionamento) e beneficiamento”, explicou o coordenador da Ong PC Vida, Abner Feital. Segundo ele, desde a criação do Programa Biosfera já recolheu oito toneladas de resíduos os postos de coleta que funcionam no Vilarejo (Itaipava) e na Umep (Centro).

 

            De acordo com Abner, novos cursos serão abertos de acordo com a demanda existente no mercado: “A Ong Qualifica & Trabalho fará um estudo junto às empresas da região para saber quais são as demandas”. Ele adiantou que um dos diferenciais dos cursos do CST serão as aulas de educação ambiental, voltadas para cada área.

 

            As aulas teóricas serão realizadas nas duas salas montadas no Vilarejo. As aulas práticas dos cursos de construção civil serão feitas nos mutirões realizados pelo Projeto Minha Casa em creches e asilos da cidade.

 

            Para participar dos cursos que terão 60 horas de duração, os interessados terão que se inscrever na sede do CST e ter mais de 16 anos. O curso será gratuito, mas uma taxa de inscrição será cobrada para manutenção do projeto. Aqueles que não tiverem condições terão que apresentar uma declaração informando que não possuem renda. Vinte e cinco vagas estarão abertas para os cursos de construção civil e 12 para os de informática. A intenção é estender a oportunidade para as comunidades da cidade.

 

            O CST é um desdobramento do Programa Biosfera que desde o ano passado estimula a reciclagem de materiais (papel, papelão, vidro, latas, plásticos, eletro-eletrônicos, da construção civil) para evitar a degradação do meio ambiente. Resultado da iniciativa das Ongs PC Vida e Projeto Minha Casa, com apoio do Sindicato das Indústrias e Empresas de Instalação, Operação e Manutenção de Redes, Equipamentos e Sistemas de Telecomunicações do estado do Rio de Janeiro (Sindimest-RJ), Conhecer – Gestão de Inteligência Empresarial e Ong Qualifica & Trabalho.

 

 

Fonte: Tribuna de Petrópolis – 21 de março de 2009.




 

 

DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS