Petrópolis, 10 de Julho de 2020.
Matérias >> Atividades Econômicas >> Comércio
   
  Exportações em Petrópolis em ritmo acelerado movimenta US$ 1,6 bi em 2014

Data: 22/08/2015

 

 

Exportações em Petrópolis em ritmo acelerado movimenta US$ 1,6 bi em 2014

Fonte: FIRJAN

 

O Diagnóstico do Comércio Exterior do Estado do Rio apresentando nesta segunda-feira, dia 17, pelo Centro Internacional de Negócios (CIN) do Sistema FIRJAN mostrou que Petrópolis está na contramão do resultado apresentado pelo país quando o assunto é a relação com o comércio exterior. O município teve em 2014 um aumento de 97% nas exportações em comparação ao ano anterior e foi responsável por movimentar US$ 1,6 bilhões. O número representa 7,5% do total contabilizado pelas empresas fluminenses, valor expressivo para um município distante de portos e aeroportos.

 

Durante o encontro, os especialistas do CIN também destrincharam o estudo, feito a cada dois anos, que traça o perfil das empresas fluminenses que atuam no Comércio Exterior e mostra quais os obstáculos internos e externos enfrentados pelos empresários para importar e exportar seus produtos. O maior deles é a burocracia alfandegaria e aduaneira. O custo do transporte interno e os custos portuários e aeroportuários também foram citados como entraves à exportação.

 

Segundo João Paulo Alcântara, gerente do CIN, o resultado expressivo é o reflexo da estrutura da cidade que reúne um grande número deempresas inseridas no mercado internacional. “As exportações agemdiretamente na qualificação da mão de obra, geração de empregos e no desenvolvimento, já que para aumentar a competitividade, elas investemcada vez mais em tecnologias”, explica.

Prêmio Rio Export

Quatro empresas da cidade também foram homenageadas com o Prêmio Rio Export durante o evento pelo destaque na exportação em 2014. Ainiciativa tem o objetivo de valorizar e estimular o desempenho das indústrias do Estado do Rio nas relações com o mercado externo.

Dentsply, gigante do setor odontológico, foi reconhecida como a maiorempresa exportadora de produtos em 2014. Já a Mattheis Borg, localizada em Itaipava e dona da maior fábrica de produção de ferraduras do mundo, levou o prêmio como destaque na emissão de Certificados de Origem.

 

Com 120 anos, a Mattheis Borg iniciou sua relação com o mercado estrangeiro há 15 anos, mas somente em 2009 a empresa passou a enviar mais da metade do que produz para o exterior. Hoje, os 120 funcionários são responsáveis pela fabricação de 13 milhões de ferraduras por ano. “É fácil vencer quando se está em um ambiente favorável, mas quando se tem que remar contra a maré, como agora, é ainda mais satisfatório. É bom ver que todos aqui fazem parte de um time de vencedores”, afirma o analista de vendas e operação, Marcus Pessamilio, destacando que o esforço dos funcionários resultou em um reconhecimento em alto escalão.

 

Outras duas empresas instaladas no município também foram reconhecidas como destaque local: a CM Satisloh, pioneira na indústria óptica nacional e maior fabricante de máquinas e equipamentos para surfaçagem de lentes oftálmicas da América Latina; e a IT 100%,empresa de moda praia nascida na Califórnia (EUA), mas que escolheu Petrópolis para sediar a sua unidade onde são produzidas 600 mil peças/ano, sendo a metade para o mercado externo.

 

 

No início do mês, o Sistema FIRJAN homenageou no Rio de Janeiro asempresas que se destacaram no âmbito estadual, entre elas a GE Celma reconhecida como Destaque Exportação de Produtos com Alto Conteúdo Tecnológico pela terceira vez.




 

 

DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS