Petrópolis, 17 de Junho de 2019.
Matérias >> Propostas Comunitárias de Politicas Públicas >> Infra Estrutura
   
  Para Paulo Rattes, volta do trem representa progresso

Data: 01/10/2009

Para Paulo Rattes, volta do trem representa progresso

 

 

            Luta de vários anos de um grupo de abnegados, a volta da ligação ferroviária de Petrópolis com a capital do estado sempre contou com o apoio do depitado federal Paulo Rattes (PMDB-RJ). “Não só por saudosismo, pois na juventude muito me utilizei deste transporte para estudar no Rio de Janeiro, o retorno do trem a Petrópolis representa hoje progresso, representa um opção de ligação com a capital, atualmente uma interdição na BR 040, causa o isolamento da cidade. O trem é um meio de transporte rápido, seguro e barato, a desativação da ferrovia Príncipe do Grão Pará, em 1964 foi um ato de violência do então governo militar”, pondera do deputado.

            Convidado a participar de reunião entre o grupo denominado G trem, formado pelas mais representativas entidades da sociedade civil de Petrópolis, e o prefeito Paulo Mustrangi, o deputado Paulo Rattes declarou seu apoio incondicional ao projeto e se disse disposto a destinar a verba orçamentária da união a que tem direito, ao retorno do trem à cidade. “O projeto apresentado durante a reunião ao prefeito Paulo Mustrangi, no meu ponto de vista é perfeito, atende aos anseios da sociedade petropolitana, por transporte coletivo rápido, seguro e de tarifa baixa, e uma opção à rodovia, sempre sujeita a interdições, principalmente durante o período de chuvas de verão, que isolam a cidade”, declarou Paulo Rattes.

            Considerando ainda que a luta pela volta do trem é um projeto supra partidário, o deputado espera que a prefeitura leve adiante a idéia, transformando em realidade um sonho. “Creio que dependa agora de apenas vontade política, para que saia do papel à prática. A questão social, mais premente, que seriam as desapropriações e relocações de famílias ocupantes da desativada linha férrea e seu entorno, tem já uma perspectiva de solução real, como me disse o economista Antônio Pastori, um dos integrantes do G Trem”, concluiu o deputado.

 

 

Fonte: Tribuna de Petrópolis, 25 de setembro de 2009.




 

 

Área do Município: 795.798 km²
População estimada (2013): 297.888 habitantes (95% alfabetizada)
Densidade Demográfica (2013): 371,85 habitantes/km²
PIB (2011): R$ 9.212.328.000,00 (R$ 30.925,47 per capta)
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (2010): 0,745 (13º dentre 92 no RJ)
Fonte: IBGE
DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS