Petrópolis, 25 de Fevereiro de 2020.
Matérias >> História e Geografia de Petrópolis
   
  O Museu Imperial é logo ali

Data: 06/05/2011

O Museu Imperial é logo ali

 

Vocês já fizeram uma visita ao Museu Imperial em Petrópolis? É um passeio imperdível! O museu é espetacular e a ida a Petróplolis possibilita conhecer esta linda cidade, além de outros pontos turísticos e culturais de grande importância, como a Casa de Santos Dumont , o Palácio de Cristal, a Casa da Ipiranga (ou "Casa dos Sete Erros") , a Catedral de São Pedro de Alcântara e o Mausoléu Imperial , o Morro Açu (Parque Nacional da Serra dos Órgãos) entre outras atrações. Isso tudo sem falar na Rua Teresa, para umas comprinhas, e Itaipava e seu centro gastronômico.

Para quem não pode ir, porém, o Museu Imperial vai fazer uma surpresa. Na próxima sexta-feira, 6 de maio, às 12h, entrará no ar o novo portal do Projeto DAMI (Digitalização do Acervo do Museu Imperial). Na página, serão disponibilizadas sete coleções, com um total de 746 itens dos setores Museologia, Arquivo Histórico e Biblioteca, que correspondem a 16.908 imagens.

O portal estará disponível no endereço http://www.museuimperial.gov.br/portal/projeto-dami-digitalizacao-do-acervo-do-museu-imperial.html, no qual se encontra atualmente uma página com a visualização-piloto do projeto. No novo site, será possível realizar buscas, acessar imagens e obter dados detalhados sobre documentos, obras bibliográficas e peças pesquisadas.

Na montagem da base de dados foi utilizado o DSpace, uma ferramenta open source já utilizada por mais de mil instituições no mundo. Por permitir o acesso livre e gratuito, sem necessidade de logins e senhas, a ferramenta possibilitará maior democratização do acesso ao acervo.

“O lançamento da página é o coroamento de um esforço desenvolvido pela equipe do Museu Imperial no sentido de integrar o acesso do usuário a um acervo histórico e artístico diversificado. Além de oferecer dados técnicos sobre os itens, o site disponibilizará imagens que permitem aos interessados conhecer o acervo do Museu Imperial, que conta com cerca de 360 mil itens”, afirma a coordenadora técnica do projeto, Monique Gonçalves.

O Projeto DAMI teve início no final de 2009 e tem como objetivo digitalizar e disponibilizar todo o acervo do Museu Imperial, incluindo objetos, móveis, obras de arte, livros, periódicos, documentos, fotografias e outros. Até o final do projeto, cuja duração prevista é de no mínimo dez anos, serão digitalizados todos os cerca de 360 mil itens do acervo, o que deve gerar o número estimado de 8 milhões de imagens.

Na primeira fase, foram digitalizadas as seguintes coleções que serão disponibilizadas no novo site a partir de sexta-feira: Coleção Visconde de Itaboraí; Coleção Carlos Gomes; Coleção Sérgio Eduardo Lemgruber; Arquivo da Casa Imperial do Brasil (1º Inventário, 1249-1806); Coleção Família Imperial; Coleção Família do Conde Modesto Leal; e Coleção Tobias do Rego Monteiro.

 

Fonte: http://oglobo.globo.com/blogs/tecnologia/posts/2011/05/05/o-museu-imperial-logo-ali-378423.asp




 

 

DADOS MUNICIPAIS EQUIPEWEB DADOS MUNICIPAIS DADOS MUNICIPAIS